Cássio defende Oposição até janeiro e diz que, se preciso, ficará fora da disputa do ano que vem

“Para construir a unidade, se for preciso, ficarei fora da disputa eleitoral de 2018”. A declaração foi dada na tarde de ontem, pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB), durante convenção do partido, em João Pessoa. O tucano disse que reunirá todos os esforços para que, em 2018, a união das oposições, firmada em 2016, seja mantida.

O senador citou os nomes de Cartaxo, Romero e Maranhão como grande solução. Na ocasião, Maranhão ratificou a disposição de disputar o cargo de governador da Paraíba.

“Vou concentrar todos meus esforços para manter esse grupo unido e coeso. Eu já disse e vou repetir, se for preciso, ficarei fora da disputa em 2018 para construir essa unidade. Já fui governador do meu estado e já servi à Paraíba por mais de trinta anos. Ainda posso disputar outras eleições, mas o meu grande objetivo é trabalhar pela unidade do grupo e não tenho dúvidas que estaremos juntos, porque o amor que temos à Paraíba no une”, declarou.

PB Agora

Redação

Quer fazer uma denúncia ou ter uma matéria escrita por nossa redação? Entre em contato através do Menu "FALE CONOSCO" e conte-nos sua história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *